>

O filme não termina quando chega ao fim

20/09/2021

Mais novidade na Parada 2021. Ao longo das exibições da mostra online, nosso site será ocupado pelos críticos Ítalo Damasceno e Monteiro Júnior. O espaço reservado para textos com opiniões sobre os filmes será de troca e interação simultânea com quem acompanhar cada sessão.

A ideia foi da realizadora e curadora da mostra, Tássia Araújo. O convite chegou aos críticos como uma surpresa interessante. “Eu achei sensacional”, diz Ítalo Damasceno, roteirista e escritor. Por quatro anos ele foi colunista do site Metrópoles, em Brasília, e escreveu críticas que passeavam de novela a cinema. Ao lado de Thiago Furtado, ele acaba de lançar o curta Hortelã com estreia mundial. Agora, ocupará por uma semana o papel de crítico da Parada de Cinema. “Vai servir para que a gente traga uma devolutiva às pessoas que produziram os filmes”, comenta. “Será um canal aberto de diálogo com o público”.

Quem também topou o convite foi o professor de cinema e roteirista, Monteiro Júnior. Ele, que já havia participado em 2015, ministrando oficina na Parada de Cinema, agora assume o posto de crítico oficial na edição deste ano. “Geralmente, o crítico de festival tem a oportunidade de contribuir para a discussão da obra sem o olhar viciado, uma vez que são filmes ainda não conferidos pela maioria das pessoas”, afirmou. 

Monteiro é diretor audiovisual e atuou como crítico de cinema para o jornal O Dia por quase uma década. A inserção de críticos na mostra retoma um lugar importante na cadeia da produção cinematográfica – o espaço da recepção. “Imagina, você vai como espectador, assiste um filme e sai cheio de ideias e com vontade de conversar sobre e debater”, frisa Damasceno. “E agora você tem a expressão de uma outra pessoa, que pode ver pontos que você não tinha reparado, ou discordar completamente e gerar em você uma vontade de também escrever sobre o filme”.

Com o encerramento da convocatória, os críticos aguardam a curadoria para dar o play e começar a escrever. A partir de outubro você pode acompanhar tudo por aqui. “A gente não tem ideia do que virá e isso é excitante”, diz Monteiro. “Torço para que seja uma seleção caprichada, como sei que, se tratando da Parada de Cinema, será”.